Como Tratar Insônia?

Dormir bem à noite é bastante difícil nos dias atuais, principalmente para aqueles que vivem no ambiente urbano. O estilo de vida movimentado e estressante das atividades cotidianas, como problemas, excesso de trabalho, estudos, entre outros, está relacionado a grande parte dos distúrbios noturnos, como a insônia.

A insônia é um distúrbio caracterizado pela dificuldade em adormecer ou permanecer dormindo, e suas consequências podem ser muito prejudiciais para o indivíduo que sofre com ela e não procura um tratamento adequado.

Os principais riscos da insônia incluem baixo rendimento no trabalho ou nos estudos, cansaço excessivo, dificuldade em concentração, complicações cardiovasculares, diabetes, obesidade, ansiedade e depressão. Por isso, identificar a causa do problema é tão importante, assim como tratá-lo de forma direta. É importante ressaltar que apenas um médico pode dar o diagnóstico e indicar o melhor tratamento para cada caso.

mulher deitada com insônia

Segundo dados da Associação Brasileira do Sono (ABS), cerca de 73 milhões de brasileiros sofrem com insônia, fazendo com que o distúrbio seja bastante comum no país. As pessoas que estão nos fatores de risco são aquelas que possuem algum transtorno, como ansiedade, depressão, transtorno de estresse pós-traumático, assim como indivíduos que fazem uso de algum medicamento ou que possuem hábitos que influenciam a falta de sono à noite.

A população feminina é uma das principais vítimas do problema, por conta das alterações hormonais comuns na TPM, gravidez e menopausa. Os idosos também correm mais riscos de ter problemas para alcançar os estágios mais profundos do sono, pois pessoas com mais idade tendem a sofrer com doenças que podem causar desconforto à noite.

O que Causa Insônia?

homem deitado na cama, mexendo no celular

O estresse diário que muitas pessoas passam, principalmente no trabalho, relacionamentos e estudos, é um dos principais desencadeantes do distúrbio noturno. Com o estresse, surgem também a ansiedade e as preocupações que atormentam a mente dos indivíduos à noite, impedindo que consigam relaxar e descansar.

A insônia também pode ser causada por outros fatores, que podem incluir desde maus hábitos noturnos, como comer muito à noite ou usar aparelhos eletrônicos antes de dormir, até doenças graves, como depressão e hipertensão.

Insônia: Tratamento Caseiro

O tratamento para insônia também pode ser feito através de remédios naturais, como misturas de ervas e chás com propriedades calmantes, que podem induzir o sono e relaxar os efeitos causados pela ansiedade. Os principais chás para insônia são:

  • Chá de valeriana;
  • Chá de erva-cidreira;
  • Chá de camomila.

Insônia: como Tratar Naturalmente?

mulher deitada dormindo

A Terapia Cognitivo-Comportamental (TCC) é considerada uma das melhores formas de tratamento para insônia. Após o diagnóstico da insônia, em que a causa é identificada, a terapia entra em ação promovendo alterações nos pensamentos e hábitos que impedem o descanso do indivíduo. Essa mudança de hábitos é conhecida também como Higiene do sono, e serve não só como um tratamento, mas também como um estilo de vida melhor.

A estratégia chamada Higiene do sono inclui uma série de hábitos que podem melhorar o funcionamento do organismo à noite, fazendo com que o corpo de se prepare para descansar. É uma das principais formas de tratamento para insônia, e pode ser de extrema ajuda independente da causa do problema.

Os principais hábitos da higiene do sono são:

  • Procurar dormir e acordar sempre nos mesmos horários, estabelecendo uma rotina do sono;
  • Evitar refeições fortes à noite, preferindo um lanche mais leve;
  • Não beber café, refrigerante, energético ou álcool à noite, pois essas bebidas são prejudiciais ao sono e permanecem no organismo por até 6 horas;
  • Realizar atividades relaxantes antes de dormir, como ler um livro físico ou escutar músicas calmas;
  • Evitar pertubações à noite, procurando dormir em locais silenciosos e com pouca iluminação;
  • Não usar aparelhos eletrônicos, como Smartphone, TV e computador antes de dormir;
  • Procurar tomar chás calmantes ou um leite morno (com canela ou mel) meia hora antes de se deitar;
  • Tomar um banho morno à noite pode ajudar a aliviar a ansiedade e relaxar o corpo, sendo uma ótima opção para combater a insônia.

Insônia Crônica: como Tratar?

homem deitado na cama com insônia

A insônia crônica é caracterizada pela impossibilidade de adormecer e alcançar os estágios mais profundos do sono, com duração de mais de 3 meses. Essa condição é extremamente prejudicial para a saúde, pois impede que o corpo e a mente consigam descansar e recarregar suas energias.

O diagnóstico da insônia crônica é dado através de um médico do sono, que irá analisar os sintomas do paciente, conferindo outras condições de saúde que ele possa ter. Além disso, alguns exames também poderão ser feitos, como o de sangue, para observar se há existência de alguma doença que possa estar por trás da insônia.

O tratamento da insônia crônica depende muito da causa do distúrbio, pois ela pode ser um sintoma de uma doença primária que exige uma terapia específica e individual. O médico pode indicar o uso de certos medicamentos para o sono como última opção, pois é recomendado que se adote alguns hábitos antes de fazer uso de remédios para dormir.

Os hábitos da higiene do sono também são indicados nessa condição, assim como outros remédios naturais e caseiros que são comumente recomendados para insônia. Evitar situações de estresse é muito importante na recuperação, assim como tratar a ansiedade e adotar a prática regular de exercícios físicos.

Fontes:

https://www.absono.com.br/abms/assets/consensoinsonia2013.pdf

http://www.scielo.br/pdf/%0D/rbp/v22n1/v22n1a09.pdf